Domínio Próprio

Na busca de vencer qualquer vício ou compulsão, precisamos de domínio próprio para não ficar escravos da nossa carne e dos nossos desejos. Nossa carne não está preocupada com a nossa vida espiritual. O objetivo dela é saciar suas vontades, custe o que custar.

Em Gálatas 5.17 temos as obras da carne e o fruto do espírito: “Porque a carne luta contra o Espírito, e o Espírito luta contra a carne, porque são opostos entre si…”

Temos de lutar constantemente contra a nossa carne, dando lugar ao Espírito Santo. Mas você pode dizer: “Está muito difícil controlar meus desejos carnais!” Sabemos que não é fácil, mas também temos a certeza de que não é impossível. Em 1Coríntios 10.13 está escrito: “Não sobreveio a vocês nenhuma tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar; pelo contrário, juntamente com a tentação proverá livramento, para que vocês a possam suportar.”

Jesus, no jardim do Getsêmani, antes de ser entregue para ser crucificado, passou por uma situação muito difícil: “E, estando em agonia, orava mais intensamente. E aconteceu que o suor dele se tornou como gotas de sangue caindo sobre a terra” (Lucas 22.44).

Jesus suou sangue! Portanto, nossos desejos carnais não chegam aos pés do que Jesus passou antes de ir para a cruz e morrer por nós.

A Palavra de Deus nos garante que não há nenhuma tentação que não possamos suportar. Por mais que esteja difícil, que a carne esteja “gritando”, Deus envia o escape, para que você possa suportar toda essa aflição que está passando. Ore. Confie. Creia.

Gostou do conteúdo? Conheça o nosso livro libertos de uma prisão invisível: aqui

2 Comentários para "Domínio Próprio"

    • Boa a tarde a paz Pedro. O tempo livre com sabedoria é vc ler a bíblia, um bom livro, um bom filme, é sair com a sua família. É tudo aquilo que vai te edificar!!!

Deixe uma resposta para danyx Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *